Links teis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Comunicados

02 de Agosto de 2006

Petio de estudantes cabindas em Portugal

Carta Aberta

Caros Colegas e estudantes,

Estudar no estrangeiro, quase nunca tarefa fcil, para a maioria dos Estudantes de Cabinda. Os poucos meios que dispem para acautelar problemas ligados sua formao quase nunca chegam, e a necessidade de alojamento condigno e mesmo a falta de ferramentas de ajuda e apoio vida acadmica, so dos factores que afectam na boa e desejada preparao das actuais geraes de Estudantes de Cabinda residentes em Portugal.

A importncia da criao de uma associao que defende e promove os interesses dos Estudantes e que seja o porta-voz dos anseios e do drama que os Estudantes de Cabinda vivem no seu dia-a-dia em Portugal, unindo-nos em torno de um projecto consensual e credvel, e que contribua na formao acadmica e numa maior insero e integrao dos estudantes atravs da inculcao dos valores culturais autnticos e da prtica da solidariedade, de modo a estabelecer a mais perfeita e slida confraternizao entre todos os Estudantes de Cabinda em Portugal, faz sentido nesta conjuntura em que nos deparamos, e que a unio de todos torna-se essencial para encarar os novos desafio que o tempo nos impe.

Com este projecto, surge a oportunidade, o ponto de viragem, necessrio e capaz de dar a voz a quem no tem e desta forma, prestar mais e melhor apoio a todos os Estudantes de Cabinda em Portugal.

Queremos preconizar com isso, a realizao de eventos temticos que nos faam sentir os valores Universais e em especial a contribuio da nossa cultura.

Com vista a fazer face s actuais questes de ndole estrutural e estruturante para a formao da Liga dos Estudantes de Cabinda em Portugal, resolvemos criar uma base de dados fundamentada na integrao de novos proponentes e futuros membros, que servir para constatarmos o nmero real de Estudantes de Cabinda em Portugal, visando assim uma permanente troca de informao, apoio social e jurdico (encaminhamento nos assuntos acadmicos, tcnico e cientfico, bem como procurar o seu enquadramento profissional).

nossa inteno, que todos Estudantes de Cabinda em Portugal se revissem neste projecto e que fossem tratados de igual forma, independentemente da origem tnica, crena religiosa, filiao poltico partidria, condio social, local de nascimento ou sexo, de modo a que os interesses colectivos se sobrepusessem aos interesses individuais e desta forma no cairmos no marasmo em que muitas associaes vivem. S assim, ser possvel encararmos com realidade e rigor os desafios que o tempo nos impe.

A todos os Estudantes de Cabinda em Portugal, que desejam abraar este projecto devero contactar-nos atravs do seguinte correio electrnico , e fornecer-nos os seguintes dados: Nome Completo, Filiao, data de nascimento e local, o curso, escola/universidade em que se encontra, o endereo da sua residncia, o contacto telefnico (fixo e/ou mvel) e o seu e-mail, para um possvel contacto. Em suma todos os dados possveis.

com estes propsitos que queremos constituir uma Liga de Estudantes de Cabinda em Portugal forte e dialogante, e com uma actuao mais concreta na resoluo dos problemas de todos os estudantes, no deixando de contribuir para a emancipao dos mesmos nas diversas reas do saber, bem como da sua insero no mercado laboral, perspectivando com vrias outras medidas que estaro consagrados nos Estatutos, um bom sucesso no campo laboral.

S unidos poderemos ver resolvidos os nossos problemas.


Comisso Instaladora da Liga dos Estudantes de Cabinda em Portugal.


Pela Comisso

Mpangulu Muntu

Lisboa, 2 de Agosto de 2006

(c) PNN Portuguese News Network

2006-08-02 22:16:12

MAIS ARTIGOS...
  Associação Tratado de Simulambuco
  FLEC - Assina: Nzita Henriques Tiago
  FLEC - Assina: António Luís Lopes
  FCD - Assina: André Kuango
  FLEC - Assina: Martinho Lubango
  FLEC - Assina: Henriques Tiago Nzita
  FLEC - Assina: Isaïas Abdengo Mabiala e Antoine Nzita Mbemba
  Associação Tratado de Simulambuco
  FLEC - Assina: Joel Batila
  COMUNICADO / NECROLOGIA
  Assina: Raul Danda
  Conferência de Agostinho Chicaia

Comentrios

Nome:

E-mail:

Comentrio:


PROVRBIOS
"Kupdi tmuka ko: Nti ava kamnina."
(Ningum pode arrancar: A rvore (adulta) que j tem razes.)
Outros
Relatrio da Mpalabanda 2005 (pdf)

Relatrio da Mpalabanda 2004 (pdf)

Entrevista de Dom Duarte ao IBINDA.COM
Cartoon
Hospedagem de Sites Low Cost Jornal Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Not�cias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais