Links teis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Comunicados

23 de Maro de 2007

FLEC - Assina: Joel Batila e Stphane Barros

NOTA DE IMPRENSA

A Frente de Libertao do Enclave de Cabinda, nico representante poltico legtimo e histrico da luta pela emancipao poltica do povo e do territrio de Cabinda:

1.Congratula-se com os esforos desenvolvidos para a reposio da verdade sobre o processo de paz de Cabinda e para a continua sensibilizao e busca da soluo poltica credvel e segura para o conflito naquele territrio ainda anexado e ocupado por Angola.

2.Reafirma o dever e o direito inquestionvel do Povo de Cabinda indignao e resistncia contra a ocupao angolana e ainda de forma inequvoca a sua f e disponibilidade na resoluo pacfica do conflito de Cabinda no mbito de um processo construtivo, justo e seguro acautelado com garantias internacionais.

3.Apela para a exigncia de unio e unidade poltica de acordo com o esprito do encontro que reuniu todas as foras vivas de Cabinda na Holanda em 2004 e que consagrou a unificao de todas as foras polticas de Cabinda em torno da Frende de Libertao de Cabinda (Flec) sob a liderana do Presidente Nzita Henriques Tiago.

4.Denuncia o estado de degradao permanente dos direitos humanos e ambientais em Cabinda e do conflito militar aberto coberto do memorando de entendimento de paz.

5.Apela a Comunidade Internacional para que assuma as suas responsabilidades sobre o conflito de Cabinda, atendendo s razes objectivas do Povo de Cabinda e da Flec, encorajando e apoiando uma soluo internacional e democrtica precedida do inevitvel e necessrio reconhecimento da Frente de Libertao do Enclave de Cabinda.

6.Congratula-se com as aces militares de legtima defesa, o empenho e desempenho das Foras Armadas de Cabinda Unificadas, denuncia rejeita e condena a diverso que d pelo nome de Governo de Salvao de Lus Ranque Franque e seguidores (regressados a Luanda) a quem apelamos para integrar com seriedade e boa-f o Conselho Nacional do Povo de Cabinda e por conseguinte e em ltima anlise a Flec que representa com dignidade e busca os caminhos da esperana e da paz verdadeira para o Povo de Cabinda.

7.Apela ao Povo de Cabinda a permanecer atento, unido, coeso, firme e determinado na recusa da ocupao e manobras diversionistas internas e externas, pois a Flec no desistir enquanto Cabinda no for um estado livre, soberano e independente respeitado enquanto Povo, Nao e Territrio distinto de Angola.

Cabinda, aos 23 de Maro de 2007

Pela Flec
O secretrio-geral

Joel Batila

O secretrio nacional do Nkoto Likanda
Stphane Barros

(c) PNN Portuguese News Network

2007-03-28 09:04:38

MAIS ARTIGOS...
  Associação Tratado de Simulambuco
  FLEC - Assina: Nzita Henriques Tiago
  FLEC - Assina: António Luís Lopes
  FCD - Assina: André Kuango
  FLEC - Assina: Martinho Lubango
  FLEC - Assina: Henriques Tiago Nzita
  FLEC - Assina: Isaïas Abdengo Mabiala e Antoine Nzita Mbemba
  Associação Tratado de Simulambuco
  FLEC - Assina: Joel Batila
  COMUNICADO / NECROLOGIA
  Assina: Raul Danda
  Conferência de Agostinho Chicaia

Comentrios

Nome:

E-mail:

Comentrio:


Comentrios
  
ntota nti ,muana bakulu  2011-05-10 15:58:44
mas cabindas o que estam a espera para se unirem e resolverem esse probhlema duma vez por toda. massi li shi telemena buindji lu kutulua shi cabinda. ehhhhhhhhh

PROVRBIOS
"Kupdi tmuka ko: Nti ava kamnina."
(Ningum pode arrancar: A rvore (adulta) que j tem razes.)
Outros
Relatrio da Mpalabanda 2005 (pdf)

Relatrio da Mpalabanda 2004 (pdf)

Entrevista de Dom Duarte ao IBINDA.COM
Cartoon
Hospedagem de Sites Low Cost Jornal Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Not�cias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais