Links teis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Economia

A extorso pode tomar uma variedade de formas

Desemprego poder aumentar crimes de colarinho branco

Lisboa - O crescimento do desemprego, nos pases desenvolvidos, acima dos 10 por cento at final de 2010, segundo previso da OCDE, dever levar ao aumento dos chamados crimes de colarinho branco.

Apesar de em alguns pases se estar a observar um aumento da violncia e desordem civil, vandalismo ou ameaas integridade e segurana fsica, exemplo dos empresrios que tm sido feito refns pelos seus empregados em grandes empresas, o crescimento do desemprego normalmente conduz a uma maior incidncia de crimes de extorso do que de crimes violentos avanou um estudo da seguradora inglesa Hiscox.

Enquanto a extorso pode tomar uma variedade de formas, envolvendo ameaas fsicas a pessoas ou bens, no Reino Unido mais comum que seja dirigida a empresas.

Se o extorsionista normalmente de um homem jovem, provavelmente com menos de 25 anos, para quem o crime funciona como um desafio intelectual, o aumento do desemprego dever alterar este perfil, levando mais empregados de escritrio de meia idade, com formao superior e bons conhecimentos da empresa, a tornarem-se extorsionistas como forma de se vingarem de antigos patres ou, simplesmente, de fazer dinheiro.

Charlie Hanbury, especialista em Riscos Especiais da Hiscox, explica: em todas as anteriores recesses econmicas por que j passmos, registmos um aumento significativo deste tipo de delitos. Os crimes de colarinho branco envolvem sobretudo extorses mais sofisticadas contra um antigo patro, sendo que o executante, que normalmente enfrenta um desemprego prolongado, procura assim uma vingana e uma forma fcil de ganhar dinheiro.

Prevejo, assim, que as participaes de seguro de empresas que sejam alvo de extorso aumentem pelo menos 25 por cento, revelando-se fundamental que as companhias avaliem e testem os seus procedimentos de gesto de risco para fazer face a este tipo de situaes, conclui o mesmo especialista.

(c) PNN Portuguese News Network

2009-05-27 16:00:01

MAIS ARTIGOS...
  Guiné-Bissau vai beneficiar por ser um dos Países Menos Avançados
  Cabinda vai ter mais estabelecimentos comerciais
  Angola: Rentabilidade dos bancos aumentou em 2009
  Moçambique: Importante descoberta de poço de gás natural na bacia do Rovuma
  Bancos de Angola e Moçambique entre os maiores bancos de África
  Missão empresarial procura parceiros em Luanda e Cabinda
  O renascimento da euforia da indústria petrolífera são-tomense
  Países africanos de expressão portuguesa resistem à crise
  Toyota recolhe 11 500 Lexus devido a problemas na direcção
  Previsão de subida da procura faz subir o preço do petróleo
  Honda recolhe mais de 437 mil automóveis
  Toyota vai recolher 437 mil híbridos em todo o Mundo

Comentrios

Nome:

E-mail:

Comentrio:


PROVRBIOS
"Kupdi tmuka ko: Nti ava kamnina."
(Ningum pode arrancar: A rvore (adulta) que j tem razes.)
Outros
Relatrio da Mpalabanda 2005 (pdf)

Relatrio da Mpalabanda 2004 (pdf)

Entrevista de Dom Duarte ao IBINDA.COM
Cartoon
Hospedagem de Sites Low Cost Jornal Digital Luanda Digital Bissau Digital Jornal de São Tomé Timor Leste Cabo VerdeMaputo Digital
Not�cias no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais